Reviews de coisas aleatórias parte VII

Mais um pequeno (?) fragmento de conhecimento partilhado pelo humilde sábio contemporâneo Ro N

Episódio de hoje: Massa de espaguete Isabela 500g Com Ovos

Quem me conhece sabe que eu tenho três grandes paixões na minha vida:

- Garotas de moral duvidosa;

- Grêmio de Foot Ball Porto Alegrense e

- Massas.

Aliás, todo mundo deveria consumir massas uma vez ao dia, de preferência acompanhado de carne e ovos fritos. Afinal, como vamos aguentar o pique do dia-a-dia sem a energia provida por alimentos "pesados"?

 

Anyway, como bom homem do lar, estava eu olhando as prateleiras do supermercado despretenciosamente quando meus curiosos olhos azuis encontram ela, a massa de espaguete Isabela com um preço tentador.

Algo que você deveria saber sobre massa é que massas ditas caseiras são caras e são insípidas e quaisquer outras marcas de macarrão instantâneo (exceto a suprema Adria, da qual anda falarei no futuro) que você achar no mercado são praticamente iguais. Bom, era o que achava até conhecer o item do qual vos falo.

Na primeira tentativa de cozinha-la, percebi que ela, apesar de eu ter formado ciclones marítimos com a colher de pau na panela, insistia em grudar e seu formato se dilatava estranhamente tomando forma de comida de presídio (caso se pergunte, jamais fui preso, mas como assisti uns dois episódios de Prison Break me sinto apto a dar pitacos sobre).

(minha panela enquanto mexia com a colher de pau)

Decidi não julgar o livro pela capa, afinal, apesar da aparência grotesca nada impedia de ter um bom sabor. Entretanto, meu instinto de cozinheiro meia boca não se enganou e de fato o sabor estava longe de satisfatório.

Minha irmã após provar massa Isabela.

Não desisti, no segundo dia decidi adicionar óleo vegetal e molho de alho no momento da fervura no intuito de evitar que meu almoço virasse novamente uma lavagem (pra quem é da cidade grande, "lavagem" é como nós da roça chamamos restos de comida dados aos porcos). Porém, fracassei miseravelmente e desta vez, além da massa ficar com gosto e formatos ruins desperdicei mais ingredientes.

Farto de insucessos, decidi dar uma de Naruto e dar mais uma chance à massa Isabela. Se existe um pecado na vida é jogar comida fora, lembre-se disso. Desta vez, fritei a massa depois de cozida com calabresa, o que melhorou consideravelmente o sabor e a tornou comestível.

 Avaliação:

Apresentação: simático pacote de 30x7 laranjado, 6/10

Gráficos: what?

Palatabilidade: beira o inexistente 2/10

Preço: R$ 1,49 na promoção 10/10

Nota geral: 5/10

Veredicto:

Como se trata de um item barato e nutritivo, recomendo a compra. Maaaaaas use criatividade na hora de prepará-la, senão terás uma pasta grudenta e disforme em seu prato. 

Curiosidades: 

- 5 advogados da Isabela já me ligaram ameaçando me processar por conta desse artigo;

- consegui o whats da caixa do Supermercado no dia em que comprei a massa Isabela (com ovos).

- a massa em questão gruda no teflon O.o

- falei pra minha vó sobre essa "massa ruim" e ela disse que eu que era burro e não sabia cozinhar =/

- Ilustres que comem massa Isabela:

Maria do Rosário

Tico Santa Cruz

Tiago Leifert

Luciano Huck

Fátima Bernardes

533 Visualizações